Doce Luar

Versos e mensagens, minhas ou de outrém...








Confesso que me dá uma saudade irracional de você. E tenho vontade de voltar atrás, de ligar, de te dizer mil coisas, e cair em suas mãos, sem me importar com nada, simplesmente entregar-te meu coração. Mas não, renuncio, me controlo e digo para mim mesmo que não é assim, que não pode ser, que você se foi, e não volta.

[Caio Fernando de Abreu]

5 comentários:

Querida, na vida tudo renasce e se renova... até o amor!...

Beijos,
AL

Oh, mocinha, saudade de vc no Esferografia viu???? rs

Sabe? Existem saudades que vamos carregar pra sempre,é preciso aprender a conviver com elas...

Tão lindo!!!
Poema e fotos, parabéns!

beijinhos

Os textos desse cara tem tanto a ver com tanta gente que não podia deixar de colocar por aqui^^

Janaína, adoro seu cantinho viu, mas a falta de tempo tem me tolhido alguns prazeres =/

bjus a todos!

Que saudades daqui, hehe!
Ai, Esse poema..É exatamente o que estou vivendo agora. Um querer que não se pode ter. Enfim.
Adorei essa postagem *-*

Beijos meus!

Postar um comentário

Quem és tu que me lês? És o meu segredo ou sou eu o teu?

Clarice Lispector

Carinho

Carinho
da amiga Dandara

da amiga Srtª Bêêh

recebido da Joyce Kelly

da Joyce Kelly

Da Pat...

De A dangerous mind (1 dos 4)

de A Dangerous Mind e Somewere

de A Dangerous Mind

de A Dangerous Mind
Ocorreu um erro neste gadget

Por aqui ficaram:

Todos os textos aqui expostos e que não possuem assinatura são de autoria da proprietária do blog, os demais encontram-se devidamente referenciados. As imagens podem ser encontradas no google images. Por favor, não plagie, respeite os autores, crie suas próprias estórias. Obrigada pela visita, voltem sempre! bjus da kirah^^

hoje (clique vídeo)

hoje (clique vídeo)
Talvez eu já saiba a resposta...

Mo Foo