Doce Luar

Versos e mensagens, minhas ou de outrém...

Se houvesse mais clareza
Nos meus mais profundos sentimentos
Talvez um dia eu pudesse
Te amar apenas um momento

O que eu sinto de verdade
É tão difícil de explicar
Diante de todas as minhas memórias
Eu não sei o que é amar...

Cada lágrima que derramei
Por tudo aquilo que eu sofri
Me parece que a qualquer momento
Eu posso voltar a sentir

Queria tanto começar de novo
Pois você é especial para mim
Mas não sai das minhas lembranças
Que pode ter o mesmo fim

Talvez haja uma saída
Onde você possa me entender
Mas enquanto isso não acontece
Eu não sei o que fazer...

[Moniqui Paôla Petri]


----------------------

As vezes quando escrevemos, e em versos nos perdemos, talvez os sentimentos aflorem mais facilmente, talvez não tão claros, mas nem por isso menos profundos...
Esse poema foi feito por uma amiga muito especial, é muito importante pra ela, e me sinto muito feliz por ela o ter disponibilizado para o Doce Luar, bjus pra você flor!

12 comentários:

Quando partilhamos as palavras e os sentimentos de uma amiga especial, revelamos o que somos.
Adorei estar aqui e vou voltar de certeza.

beijinhos

Nossa gostei muito da forma como foi escrito!Parece ser algo bem sincero e nao apenas um poema!

Lindo texto! Intenso e sublime.
Ah, o amor sempre dono da situação!
Um abraço, Vivi.

Olaaa boa noite. Vejo que és minha seguidora, o que achaste do meu blog e também dos meus poemas?

kirah, coloquei o teu blog lá nos meus relacionados, ja tava pra fazer isso há tempos mas não lembrava, vir ao seu pra te ler e ver o meu ali do lado foi um 'tapa na cara'. haha.

Bjo.

Aos que comentaram, obrigada pelo incentivo, fico feliz que tenham percebido, assim como eu, a beleza dos sentimentos compartilhados nesse poema...
David: só sigo aquilo que me inspira poesia, foi assim com os seus escritos, preciso dizer mais?
Denis: ora, o que importa é continuares a poetar que eu continuarei a comentar por lá, mas se pah, fico feliz com o privilégio...
bjus a todos!

Sincero realmente
Achei lindo..amo rimas, e ela soube realmente utilizá-las
Saudades de vir aqui...
Agora vou voltar sempre
é tão bom se reabastecer de boa poesia
me deixa leve
Parabéns à poeta
Parabéns Kirah

Você escreve maravilhosamente bem! Estou encantada com essa profusão de sentimentos...
Abraços, Déia

hermoso poema

Belíssimo poema ^^

*Leve os três selinhos

bjos;*

toques e poesia não mais convidativo

Kirah, belíssimo poema, mesmo ...
aliás, adorei teus escritos ...
um espaço agradável, o seu ...
bj

Postar um comentário

Quem és tu que me lês? És o meu segredo ou sou eu o teu?

Clarice Lispector

Carinho

Carinho
da amiga Dandara

da amiga Srtª Bêêh

recebido da Joyce Kelly

da Joyce Kelly

Da Pat...

De A dangerous mind (1 dos 4)

de A Dangerous Mind e Somewere

de A Dangerous Mind

de A Dangerous Mind
Ocorreu um erro neste gadget

Por aqui ficaram:

Todos os textos aqui expostos e que não possuem assinatura são de autoria da proprietária do blog, os demais encontram-se devidamente referenciados. As imagens podem ser encontradas no google images. Por favor, não plagie, respeite os autores, crie suas próprias estórias. Obrigada pela visita, voltem sempre! bjus da kirah^^

hoje (clique vídeo)

hoje (clique vídeo)
Talvez eu já saiba a resposta...

Mo Foo