Doce Luar

Versos e mensagens, minhas ou de outrém...
















Hoje eu cometi um assassinato.
Sim, eu a matei.
Aquela criança que vivia dentro de mim, a matei sem pestanejar!
Mas veja bem,
ela praticamente implorou por isso,
sempre me dizendo que estava tão cansada...
 cansada de ter que ser forte,
cansada de ter que sempre recomeçar do zero,
de ter que estar sempre sorrindo,
de cada vez acreditar que vai ser diferente...
Ah, isso é trabalho para adultos.
Foi então que tomei minha decisão: crescer!
Mas para isso essa criança
irritante e irritada
tinha que ser assassinada
(já que se recusava a partir espontâneamente)
Então eu simplesmente fiz o serviço,
aquilo que tinha que ser feito.
Julgue - me se quiser,
mas hoje decidi
deixar de ser menina
para poder ser mulher!




...




Ei, psiu!
não se desespere
eu não morri 
(apesar do que ela acredita)
essa não é a minha sina
o que ela não sabe ainda
é que na mulher que fascina
haverá sempre
um bocado de menina...



5 comentários:

Nossa! Essa foi arrasadora! Estava imaginando o que eu iria comentar, quando de repente, li o final, e fiquei sem palavras. Arrasou, heim!

pois é, meu dia foi bem assim hoje, quando achei que tinha tomado uma decisão, decidi-me por outra que é bem mais a minha cara, afinal, o que há de errado em ser assim, meio mulher, meio menina? ah, e o resto vem com o tempo, que a vida sempre ensina...

que bom que gostou, bjus da kirah

B.e.i.j.o.s.

AL

Acho que todos nós temos ainda um bucado de meninos, mas realmente chega uma hora que é difícil fazê-lo ficar e tomar o controle, temos que "assassina-lo" ou botá-lo de lado para podermos evoluir e crescer. Interesssante como você falou disso tão lindamente, em belas palavras que me fez até sorrir. Kirah, você me faz bem.
Bjs

Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário

Quem és tu que me lês? És o meu segredo ou sou eu o teu?

Clarice Lispector

Carinho

Carinho
da amiga Dandara

da amiga Srtª Bêêh

recebido da Joyce Kelly

da Joyce Kelly

Da Pat...

De A dangerous mind (1 dos 4)

de A Dangerous Mind e Somewere

de A Dangerous Mind

de A Dangerous Mind
Ocorreu um erro neste gadget

Por aqui ficaram:

Todos os textos aqui expostos e que não possuem assinatura são de autoria da proprietária do blog, os demais encontram-se devidamente referenciados. As imagens podem ser encontradas no google images. Por favor, não plagie, respeite os autores, crie suas próprias estórias. Obrigada pela visita, voltem sempre! bjus da kirah^^

hoje (clique vídeo)

hoje (clique vídeo)
Talvez eu já saiba a resposta...

Mo Foo