Doce Luar

Versos e mensagens, minhas ou de outrém...

É em dias como hoje quando me sinto meio assim, um tanto triste, quase feliz, que a música me encontra, me diz coisas...
Eu escuto, compreendo, descubro sentidos ocultos, enfim, procuro, fico assim, em busca do Nirvana...
E por falar neles... é melhor deixá-los falar por si...





ops, acho que não era bem isso.
Fato: sábados são dias estranhos....


 
The Man Who Sold The World  

We passed upon the stairs, we spoke in was and when
Although I wasn't there, he said I was his friend
Which came as a surprise I spoke into his eyes
I thought you died alone, a long long time ago

Oh no, not me
we never lost control
You're face to face
With The Man Who Sold The World

I laughed and shook his hand, and made my way back home
I searched for form and land, for years and years I roamed
I gazed a gazely stare, we walked a million hills
I must have died alone, a long long time ago

Who knows? not me
I never lost control
You're face to face
With the Man who Sold the World

Who knows? not me
We never lost control
You're face to face
With the Man who Sold the World

(Nirvana)


0 comentários:

Postar um comentário

Quem és tu que me lês? És o meu segredo ou sou eu o teu?

Clarice Lispector

Carinho

Carinho
da amiga Dandara

da amiga Srtª Bêêh

recebido da Joyce Kelly

da Joyce Kelly

Da Pat...

De A dangerous mind (1 dos 4)

de A Dangerous Mind e Somewere

de A Dangerous Mind

de A Dangerous Mind
Ocorreu um erro neste gadget

Por aqui ficaram:

Todos os textos aqui expostos e que não possuem assinatura são de autoria da proprietária do blog, os demais encontram-se devidamente referenciados. As imagens podem ser encontradas no google images. Por favor, não plagie, respeite os autores, crie suas próprias estórias. Obrigada pela visita, voltem sempre! bjus da kirah^^

hoje (clique vídeo)

hoje (clique vídeo)
Talvez eu já saiba a resposta...

Mo Foo